Saiba mais sobre os vinhos de Nebbiolo da DOCG Barbaresco

Claro que Cervejas e Vinhos jamais dispensaria um Barolo, mas temos uma queda ainda maior pelo seu charmoso “primo-irmão” Barbaresco.

Transformada em DOC (Denominação de Origem Controlada) em 1966 e DOCG (Denominação de Origem Controlada e Garantida) em 1980, Barbaresco localiza-se na parte sul do Piemonte. O coração da região é a bela e pequena vila homônima, com cerca de 600 habitantes.

Barbaresco produz tinto da casta Nebbiolo, mas geralmente mais leve que o Barolo. Apesar dos melhores exemplares serem tão concentrados, estruturados e impressionantes quanto um bom Barolo, existem diferenças. O tanino é mais suave, a fruta é mais vermelha do que preta, e o vinho não precisa de muitos anos de guarda para ser degustado (o que não significa que eles não possam ser longevos).

Pelas regras da DOCG, o tipo Rosso deve ter no mínimo 26 meses de maturação, sendo pelo menos 9 em tonel de madeira; já o Riserva tem que ter pelo menos 50 meses de amadurecimento / envelhecimento.

A região de Barbaresco tem encostas com orientação sul, mas com altitudes menores do que as de Barolo (200 a 400 metros). A menor altitude e a influência de um rio local (Tanaro) fazem com que a Nebbiolo amadureça mais cedo aqui do que em Barolo.

A sua zona de produção abrange quatro comunas: Barbaresco, Neive, Treiso e Alba, na província de Cuneo (localidade: San Rocco Seno d’Elvio).

Como a região é menor do que Barolo, existem menos menções de nomes de localidades nos rótulos, mas os vinhos de melhor qualidade serão sempre os que provêm de uma vinha individual com nome próprio ou cru. Atualmente são classificadas 65 subzonas. Nomes como Gallina ou Rabajà estão entre os mais famosos. Há mais vinhedos aguardando classificação.

O reverenciado Vigneto Starderi da La Spinetta.

Principais produtores de Barbaresco:

Angelo Gaja
A lenda vida do Piemonte, Angelo Gaja, fez fama com Barbaresco e é líder nesses vinhos, ainda que Sorì Tildin, Sorì San Lorenzo e Costa Russi, de um só vinhedo, agora sejam engarrafados como Nebbiolo Langhe DOC devido à sua desilusão com o sistema DOC.

Bel Colle
Produtor tradicional e confiável, que também produz Barolo e Roero.

Bruno Giacosa
Combinando o tradicional e o moderno, Bruno Giacosa demonstra igual aptidão com Barolo e Barbaresco. Seu Barbaresco Asili é delicado. Giacosa é considerado um dos maiores conhecedores de vinhedos do Langhe.

Ca’ Romé
Barbaresco complexo e tradicional, com destaque para o Maria di Brun.

Castello di Neive
Seu vinho principal é o equilibrado e estimulante Barbaresco Santo Stefano.

Ceretto
O vinho Bricco Asili é o líder da produção de Barbaresco. Ao lado do Barolo Bricco Rocche, representa o orgulho da vinícola da família Ceretto.

Cigliuti
Produzem o cult Serraboella Barbaresco.

Fiorenzo Nada
Produz um número pequeno de vinhos com cuidado e respeito infinitos pela tradição local. Seu Barbaresco mais famoso é o Rombone, um vinho majestoso, que pode viver por décadas.

Giorgio Pelissero
Propriedade familiar das mais respeitadas na região. Vanotu é o nome do principal vinho de vinhedo único da empresa. Graças à sua singular localização, ao clima e ao solo predominantemente calcário, o vinhedo Vanotu produz vinhos muito bons, mesmo em safras inferiores.

La Spinetta
Resultado de safras mínimas e envelhecimento em barris 100% de carvalho francês novo, os Barbarescos La Spinetta são imponentes. Seu rótulo mais conhecido é o cultuado Vigneto Starderi.

Michele Chiarlo
Excelente fonte de Barolo e Barbaresco.

Moccagatta
O nome Moccagatta faz referência à área onde foi construída a adega da vinícola. Ao lado do cru Cole, o cru Basarin é o melhor e mais antigo vinho de um só vinhedo deles. O Bric Balin, menos conhecido, representou uma etapa crucial na evolução da vinícola, pois foi o primeiro vinho com o qual a família Minuto se sentiu livre para experimentar novas técnicas de vinificação e envelhecimento (substituindo os tradicionais tonéis grandes por barricas).

Orlando Abrigo
Giovanni Abrigo faz dois Barbarescos cru de qualidade consistente: Montersino e Rongallo.

Paitin
Antes de Barbaresco se tornar uma Denominação de Origem, Paitin já produzia Nebbiolo di Barbaresco. O Barbaresco Sorì Paitin (sorì, no dialeto piemontês, significa vinhedo com a face orientada para o sul) já era engarrafado desde 1893. Um vinho elegante e complexo.

Piero Busso
Vinhos Barbaresco de vinhedo único consistentemente bons, envelhecidos em grandes barris e barricas francesas, dependendo da estrutura do fruto.

Pio Cesare
Um dos pilares da tradição na região de Alba, fundada em 1881 por Pio Cesare, bisavô de Pio Boffa, que deu um toque moderno à vinícola. Pio Cesare possui vinhedos em Barolo e Barbaresco, e também seleciona uvas provenientes de fornecedores regulares para fazer excelentes vinhos do Piemonte.

Produttori del Barbaresco
Produttori del Barbaresco foi fundada em 1958 no local das adegas originais usadas pelo “pai do Barbaresco”, Domizio Cavazza. Tradicionalmente produzidos com uvas provenientes de alguns dos mais cobiçados vinhedos de Barbarescos, os Riservas, vinhos de vinhedo único da cooperativa, estão entre os de melhor custo-benefício de toda a Itália. Um dos melhores é o Rabajà Riserva, encorpado e ainda assim elegante, com estrutura tânica para evoluir por décadas.

Outros produtores: Albino Rocca / Bruno Rocca / Ca’ del Baio / Cantina del Pino / Cascina Lusin / Gigi Bianco / Giuseppe Cortese / Marchesi di Grésy / Roagna – I Paglieri / Silvia Rivella / Socré/ Sottimano.

Bibliografia:
– 1001 Vinhos Para Beber Antes de Morrer – Neil Beckett – Ed. Sextante
– Atlante del Vino Italiano – Vittorio Manganelli & Alessandro Avataneo – Libreria Geografica
– Compreendendo o Vinho: Explicando o Estilo e a Qualidade – Livro de apoio da Qualificação de Nível 3 em vinhos WSET (Wine & Spirit Education Trust)
– Enciclopédia do Vinho – Hugh Johnson – Ed. SENAC
– Os Segredos do Vinho – Para Iniciantes e Iniciados – José Osvaldo Albano do Amarante – Mescla Editorial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *