Cervejas e Vinhos participa de palestra de António Saramago

No dia 18 de março de 2019, Cervejas e Vinhos esteve presente na Palestra e Degustação de António Samarago, na ABS-SC em Florianópolis.

António Saramago é o enólogo mais antigo em atividade em Portugal, com mais de 50 anos de carreira. Iniciou suas atividades aos 14 anos no laboratório de enologia de José Maria da Fonseca, uma das mais renomadas vinícolas de Portugal.

Atualmente Saramago possui seu próprio projeto de vinhos autorais em duas regiões, Alentejo e Península de Setúbal. E sua grande paixão é uma variedade desafiadora, a tinta Castelão (também conhecida como Periquita).

Saramago deu um show de simplicidade e de amor ao vinho, comentando com entusiasmo sobre sua profissão e seus vinhos. Também deu vários conselhos e dicas. “Não bebam rótulos, bebam vinhos” foi uma das frases proferidas que ele fez questão de frisar.

Foram compartilhados com o público presente cinco rótulos produzidos por ele. Todos os vinhos degustados mostraram personalidade, acidez vibrante, e no caso dos tintos, taninos maduros e redondos. Vinhos de grande qualidade e sem arestas. Vamos a eles:

Risco Branco 2017

50% Fernão Pires, 25% Antão Vaz e 25% Arinto

Fermentado em cuba de inox, sem passagem por madeira. Aroma de frutas cítricas. Notas minerais. Bom vinho!

Colheita Branco 2016

60% Arinto e 40% Antão Vaz

15% do vinho estagiou em barrica francesa de 2º uso. Saramago nos contou que se inspirou nos vinhos de Sancerre (Vale do Loire, uva Sauvignon Blanc) para produzir este. De fato há um toque de mineralidade em comum, lembrando pólvora. No aroma traz frutas cítricas e flores brancas, e em boca um leve tostado proveniente da madeira. Ótimo!

Risco Tinto 2016

100% Castelão (vinhas de 30 anos)

Fermentado em cuba de inox, sem passagem por madeira. Aroma de frutas vermelhas, especialmente cereja. Parece ter madeira, com notas achocolatadas. É uma característica da casta, de acordo com Saramago. Bem interessante!

Risco Reserva Tinto 2017

50% Castelão, 30% Trincadeira e 20% Alicante Bouschet

Envelhecimento em barrica francesa de 2º uso. Notas de frutas vermelhas e couro. Melhor tinto da noite.

Colheita Tinto 2015

100% Castelão (vinhas de 70 anos)

Fermentado em cuba de inox, sem passagem por madeira. Traz frutas vermelhas no nariz e em boca. Um vinho influenciado pelo perfil do Malbec argentino, de acordo com Saramago. Um mestre do Velho Mundo se inspirando no Novo Mundo, quem diria!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *